quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Saudade perpétua - Larissa Pereira 8ª A

Saudade, um beijo de partida
Que fica na alma
Não dá para esquecer
Nem ao menos evitar
Seu sorriso
Sua fala
Rodam em meu pensamento

Sua partida foi a pior de todas
Com seu jeito de amar
Me disse adeus
Só o que me resta são as lembranças
Choro todas as noites pensando porque partiu
Amor jogado fora
Promessas jurada ao vento
O que era para ser para sempre
Sempre acaba.


Larissa Pereira - 8ª A

Nenhum comentário: