sábado, 15 de fevereiro de 2014

ARTE NA ANTIGUIDADE



As manifestações artísticas mais importantes desse período desenvolveram-se principalmente no Egito, na Grécia e em Roma.

EGITO à Importantes monumentos artísticos, ate hoje conservados, atestam a grandiosidade da Arte Egípcia, os principais são as pirâmides do deserto de Guiné, Quióps, Quéfrem e Miquermos.
A Arte Egípcia caracteriza-se pela representação da figura humana sempre com o tronco desenhado de frente, enquanto a cabeça, as pernas e os pés, são colocados de perfil.
A postura rígida dessas representações foi dando lugar a desenhos mais leves, com cores variadas, e a figura parece ganhar movimento.
Os temas religiosos estão sempre presentes na Arte Egípcia.

GRÉCIA à A Arte Grega valorizava especialmente as ações humanas, expressava um ideal de beleza e tinha como a criatura mais importante do universo.
Os gregos não se submetiam às imposições da religião nem ao poder dos Reis. Por isso, criaram uma arte independente.

ROMA à Entre os séculos XII e VI a.C. os gregos ocuparam diferentes regiões da Itália. Assim, a Arte Romana foi incrivelmente influenciada pela arte grega. Mas junto com a expressão do ideal de beleza, os romanos preocupavam-se com a expressão da realidade vivida. Com o tempo, Roma superou as influências que recebeu desenvolvendo então criações artísticas originais.


ARTE NA IDADE MÉDIA à Com a tomada de Roma pelos bárbaros (476), desaparece a cultura clássica e começa o período histórico da Idade Média. Os invasores bárbaros tinham valores radicalmente diferentes dos valores desenvolvidos na Grécia e em Roma. E suas manifestações artísticas refletem bem essa diferença.

Um comentário:

Débora Luiza disse...

Parabéns, o texto e direto e dentro do assunto que eu precisava, obrigada��, Deus te abençoe.